domingo, janeiro 03, 2010

Paradigma tempo

É lenta a madrugada
mas o crepúsculo
cede breve ao escuro
à noite cerrada.

É estranho,
será só para mim?

Tão lento o começo,
tão fugaz o fim!

Sem comentários: