quinta-feira, março 24, 2011

A Dança

A Dança é a resposta emocional do nosso corpo à música
é o harmonizar o que se sente com o sentir
A Dança é a maneira magica de sorrir com o corpo todo
gritar com o corpo todo, chorar e amar com o corpo todo.
A Dança é o grito no silêncio, é o grito no grito
é também o grito para além do grito.
A Dança é voar como um cisne, é ser rio
é ser mar, ser paz, correr pelas pelas paredes,
cair no teto, é ver o mundo ao contrário,
é estar no mundo ao contrário.
A Dança é a vida a bater forte com os pés
é a paixão desmedida que nos agita as mãos
é o encantamento que nos cativa o olhar,
muito para além do desejo,
é uma forma simples de amar!

sexta-feira, março 18, 2011

Treme

Não me deixes aqui sozinho
enquanto a terra treme
enquanto o tempo incerto
deixa a fome pelo chão
e a tecnologia
que é moderna e propicia
conforto e animação
não salvou aquela ilha
deixou sofrer o Japão.

domingo, março 13, 2011

A Viagem


Mata de Peninha - Sintra

Para a viagem, segundo eu a entendo, apenas são necessários o viajante e caminho. O destino é secundário e pode até ser um factor de desânimo, pois só com o bem marcado destino se pode aferir a viagem e avaliar a seu progresso e não ser o desejado. Quem viaja sem destino marcado está sempre a tempo. Qualquer viagem começa sabendo que terá um fim, há quem só pense na meta e há quem desfrute verdadeiramente do caminho!

quinta-feira, março 10, 2011

Alguns cairam-me dos dedos


Foto de Man Ray


Alguns caíram-me dos dedos
como pétalas
outros dos lábios inquietos.
Uns forraram a planície do teu ventre
outros aventuram-se em lugares mais secretos.
Mas eram todos batidas do meu coração,
e não esqueço um só
dos que não levantaste do chão!