quinta-feira, outubro 04, 2007

Tempo


Troca-se o passado e o presente

quando se dá o tempo de presente

O presente é lembrança

quando quem dá está ausente

Se o tempo não existir,

também não se pode medir

tudo em simultâneo

neste eterno devir

Dança para mim no relógio

cadência de uma paixão

O tempo do amor é medido

pelas batidas do coração.



Sem comentários: